Campanha

Outubro Rosa | Câncer de Mama

Diagnosticar precocemente é essencial para o tratamento da doença.

O câncer de mama é o principal tipo de câncer na mulher, representando 22% de novos casos de câncer no Brasil (Fonte: INCA). O diagnóstico precoce contribui no aumento do índice de cura, sendo o autoexame essencial para identificar nódulos e o exame de Mamografia anualmente

Este geralmente apresenta um bom índice de cura, principalmente quando diagnosticado em sua fase precoce. Geralmente o tumor se inicia na mama, pode atingir a axila e até mesmo aparecer em outros órgãos, fato que chamamos de metástases.A extensão do tumor determina a forma de tratamento. Assim estimula-se a medidas de autocuidado da mama como o autoexame e a mamografia.

Sintomas do câncer de mama

O Câncer de Mama é assintomático em sua fase inicial, a partir do momento em que há sensibilidade, pode identificar-se um caroço na região da mama. Além disso pode-se perceber mudanças na pele, manchas e zonas de retração. Em alguns casos, há secreção no bico da mama, podendo ser sanguinolento. A dor na região da mama raramente está associada ao câncer de mama, mas deve ser observado e um médico consultado também nestes casos.

Fatores de risco do câncer de mama

Mulheres com mais de 50 anos, histórico de câncer na família e alguns fatos como: não possuir filhos, primeira gestação depois dos 30 anos, utilização de hormônios, consumo de álcool, doenças na mama, obesidade, são os principais fatores de risco para o surgimento do câncer de mama. Atualmente, são 50 casos a cada 100 mil mulheres por ano. O câncer de mama é raro em homem, sendo identificado em apenas 1% dos casos.

Prevenção do câncer de Mama

A principal prevenção é o acompanhamento contínuo, com o autoexame e exames de imagem, como a Mamografia, a Ecografia Mamária e, em alguns casos, a Ressonância Magnética. Além disso, manter uma alimentação saudável, praticar exercícios físicos regularmente, não fumar, evitar bebidas alcoólicas, cuidados com o peso são importantes para previnir o surgimento de tumores. Consultar um mastologista e realizar o exame de Mamografia anualmente depois dos 40 anos é essencial para diagnóstico precoce.

Exames e Diagnóstico do câncer de mama

Como já mencionado, o autoexame é importante para identificar diferentes sintomas na mama. Procurar um profissional e realizar exames de rotina são pontos-chave para diagnóstico da doença. A Mamografia, Ultrassonografia (Ecografia) Mamária e a Ressonância Magnética são exames de imagem nos quais são possíveis identificar a presença de tumores.

Após os 40 anos, todas as mulheres devem realizar anualmente e sempre respeitando o mesmo mês de realização do ano anterior o exame de Mamografia. Esta atitude é muito importante para evitar que o câncer de mama seja identificado tardiamente, onde o tumor já esteja com tamanho elevado, criando complicações no tratamento.

Em alguns casos, um exame biópsia pode ser solicitado pelo seu médico para retirar pedaços do tumor que irão ser examinados. O médico especialista irá identificar se a alteração é ou não um câncer. 

outubro-rosa-clinoson-diagnóstico-por-imagem

Clique aqui e agende agora o seu exame de Mamografia Digital na Clinoson. Ou pelos canais de atendimento:

Telefone: 51 3269 7000

Whatasapp: 51 999 898 575

Cuidar do seu corpo é cuidar da sua vida. Todos na luta contra o Câncer de Mama.

Agendamento

Agende o seu exame de imagem e confira todas as informações necessárias para sua realização.
AGENDE AGORA

Convênios

Diversas empresas conveniadas para melhor atender você. Confira os convênios com a Clinoson.
conheça os convênios

Resultado Online

Clique abaixo para acessar os resultados dos seus exames de imagem realizados na Clinoson.
acesse seu exame